Cena da Semana

novembro 14, 2011 at 12:27 am 12 comentários

(Opening Monologue – Oscar 2004 – 29.02.2004)

Esta foi a oitava – e última – vez em que Billy Crystal tinha apresentado o Oscar. Para a minha geração, ele é a cara desse prêmio, tanto que, depois dele, a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas vem penando muito para encontrar um sucessor à altura dele – talvez, o que mais tenha se aproximado disso foi Steve Martin, que apresentou o prêmio em 2001, 2003 e 2010. Provavelmente, por isso mesmo, cinéfilos de todo o mundo tenham comemorado o anúncio feito pela AMPAS, nesta semana, de que ele, após 8 anos, retornará ao papel pelo qual ele é mais reconhecido: o de apresentador do prêmio mais importante e prestigiado da indústria cinematográfica.

Tal notícia surgiu após os pedidos de demissões feito pela dupla que iria produzir e apresentar a premiação, em 2012: Brett Ratner e Eddie Murphy. Para muitos, a saída dos dois foi um verdadeiro alívio, uma vez que as escolhas deles já tinham sido muito questionadas. A contratação de Brian Grazer para a produção do show e o posterior anúncio da volta de Billy Crystal colocam o Oscar 2012 na contramão da atual tendência dos shows de premiações, que querem se modernizar, de forma a atrair uma maior audiência.

Particularmente, acho que o Oscar tem uma aura muito clássica, a qual não deve ser modificada ou modernizada. Acho que a dupla Grazer e Crystal vem, justamente, para reforçar isto: todo esse caráter “sério”, clássico e rígido do Oscar, um prêmio que não permite – essa é a verdade – improvisações ou quebras de protocolo. Sou do time que é muito favorável aos dois encabeçando a cerimônia deste ano.

======================

Por falar no Oscar, ontem à noite, a AMPAS realizou o Governors Awards, entregando Oscars honorários para Dick Smith, James Earl Jones e Oprah Winfrey. A última foi responsável pelo grande discurso da noite, com palavras emocionantes e inspiradoras. Para assistir aos vídeos com os melhores momentos da cerimônia, cliquem aqui.

Entry filed under: Cena da Semana.

Gainsbourg – O Homem que Amava as Mulheres Capitães da Areia

12 Comentários Add your own

  • 1. CeloSilva  |  novembro 14, 2011 às 12:44 am

    Sabe q gostei de Jackman apresentando. Ele foi bem simpatico, dançou, achei bem legal, merecia um bis, mas Crystal é a cara da premiação mesmo, deve ficar bem mesmo.

    Responder
  • 2. Brenno Bezerra  |  novembro 14, 2011 às 1:17 am

    Kamila, não me preocupa (em partes) a queda de audiência. O Oscar tem um público amante da festa, público esse fiel (eu, você…). Se fizerem uma cerimônia que dure 15 horas, estaremos lá vendo seja ela boa ou ruim. Então, nada melhor do que montar um Oscar clássico para os amantes desses bons tempos acadêmicos, e nada desse MTV Movie Awards de bons filmes para atrair esse público jovem. Com Ratner e Murphy, o Oscar seria uma vergonha histórica. Boa Sorte para Billy Crystal, que tem minha total confiança.

    Beijos

    Responder
  • 3. Flavio  |  novembro 14, 2011 às 1:32 am

    Oi Kamila , eu sou um dos que ficou muito feliz com a volta do Billy. Só ele para apagar da memória o que a Anne e o James fizeram este ano. Grande, grande , grande Billy. Pra ficar mais feliz só vendo Viola ou Glenn vencendo.

    Responder
    • 4. Kamila  |  novembro 14, 2011 às 2:07 am

      Celo, meu apresentador favorito, depois do Billy Crystal, é Steve Martin. Adoro eles dois.

      Brenno, eu também não me preocupo com a queda de audiência, mas quem produz um show de televisão, sim. E é esse o pensamento da AMPAS e dos produtores do Oscar. Beijos!

      Flávio, eu também fiquei felicíssima com a volta dele. Eu quero é ver Meryl vencendo, me desculpe!

      Responder
  • 5. Pedro Paulo  |  novembro 14, 2011 às 1:48 am

    Que bom que o Crystal voltará! estava vendo o vídeo da cerimônia de 1992 (referente a 1991) que ele canta sobre “Príncipe das Marés”, e passa a Barbra Streisand se acabando de rir… e comentei como ele tá fazendo falta.

    Nossa se o Oscar 2012 for com Crystal, Glenn e Viola no palco, vou ter uma ataque… não perco nem pro decreto!

    Responder
    • 6. Kamila  |  novembro 14, 2011 às 2:08 am

      Pedro, eu tenho essa cerimônia de 1992, em DVD! rsrsrsrsrsrs Esses três, com certeza, estarão no palco! 🙂

      Responder
  • 7. Paulo Ricardo  |  novembro 14, 2011 às 2:59 am

    Kamila,meu apresentador do Oscar favorito é o Billy Crystal.Esse video é um dos meus momentos favoritos.O melhor é a parte de “Sobre Meninos e Lobos” rss,foi na cerimonia que “Cidade de Deus” foi indicado.Podia ter rolado um video do Zé Pequeno,melhor noticia de uma semana que não foi muito boa pra mim.Estou gripado e muito mal.Vamos iniciar mais uma semana e obrigada por me aguentar rss.Beijos.

    Responder
  • 8. Reinaldo Matheus Glioche  |  novembro 14, 2011 às 1:18 pm

    Tb gostei do retorno de Crystal. Mas ficaria satisfeito com Steve Martin, Jon Stewart, Hugh Jackman, Tina Fey, Neil Patrick Harris, Alec Baldwin… Mas é que, como vc sabe, ancorar o Oscar é tido como uma função um tanto ingrata… Mas Crystal, como vc tão bem colocou, é a cara do prêmio.
    Bjs

    Responder
  • 9. Elton Telles  |  novembro 14, 2011 às 7:55 pm

    Aeeee, Billy Crystal is back! o// Excelente essa última apresentação do cara, mas orra, 20 minutos só de monólogo? Acho difícil para os padrões de hoje e ainda a intenção limitada de entretenimento do Tom Sherak pode dificultar ainda mais uma volta de Crystal ao Oscar em grande estilo. Mas estou curioso! =)

    Bjs!

    Responder
    • 10. Kamila  |  novembro 14, 2011 às 10:23 pm

      Paulo, o meu apresentador favorito do Oscar também é o Crystal. Boa semana para você e melhoras. Beijos!

      Reinaldo, se não fosse o Crystal, eu ficaria muito feliz se fosse o Steve Martin ou alguém novo como Tina Fey, Steve Carell. Beijos!

      Elton, mas o monólogo dele é super dinâmico. A gente nem sente passar. Eu estou curiosíssima para a próxima cerimônia. Beijos!

      Responder
  • 11. Matheus Pannebecker  |  novembro 15, 2011 às 3:26 pm

    Acho tão confuso o esquema do Oscar… Não entendo como conseguem fazer uma festa impecável (no ano do Hugh Jackman) e, depois, algo completamente monótono… Vai entender! Mas espero que o Billy Crystal consiga reverter essa situação.

    Responder
    • 12. Kamila  |  novembro 15, 2011 às 8:05 pm

      Matheus, pois é, mas esperamos que o show de premiação volte à sua bela forma em 2012. Merece!

      Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


A autora

Kamila tem 29 anos, é cinéfila, leitora voraz, escuta muita música e é vidrada em seriados de TV, além de shows de premiações.

Contato

cinefilapn@gmail.com

Último Filme Visto

Lendo

Arquivos

Blog Stats

  • 453,069 hits

Feeds


%d blogueiros gostam disto: