As Crônicas de Nárnia: A Viagem do Peregrino da Alvorada

janeiro 5, 2011 at 11:17 pm 21 comentários

Nos dois filmes anteriores da série “As Crônicas de Nárnia”, as quais são baseadas nas obras literárias concebidas por C.S. Lewis, aprendemos que os irmãos Pevensie só retornavam àquele mundo mágico quando eles mais necessitavam deles. O curioso é que, no primeiro ato de “A Viagem do Peregrino da Alvorada”, terceiro longa da franquia, dirigido por Michael Apted, os irmãos Lucy (Georgie Henley) e Edmund (Skandar Keynes) abandonam um mundo real (a Inglaterra) em plena guerra e embarcam para Nárnia quando tudo parece estar em perfeita harmonia.

Porém, prestem bem atenção na palavra “parece”. Quando os irmãos e o novo companheiro de aventuras deles, o primo Eustace (Will Poulter), reencontram o Príncipe Caspian (Ben Barnes), Nárnia parece um reino bem pacífico, entretanto, a partir do momento em que eles vão parar num mundo fantástico e enfeitiçado em busca dos sete fidalgos que foram enviados pelo tio do Príncipe para explorar o Oceano Oriental, uma série de perigos, criaturas fantásticas e guerreiros aparecem no caminho deles.

Um dos elementos mais interessantes dos filmes da série “As Crônicas de Nárnia” é um fato que fica bem explícito pela trama de “A Viagem do Peregrino da Alvorada”. Desde o início desta jornada, quando os Pevensie ainda eram liderados pelos irmãos mais velhos Susan (Anna Popplewell) e Peter (William Moseley), os longas falam, basicamente, sobre a formação do caráter destas crianças (uma vez que, a partir do instante em que elas crescem, o trabalho já está terminado, pois supõe-se que eles já estão prontos para enfrentar o mundo). O que eles vivem no mundo fantástico de Nárnia são situações que forjam, dentro deles, valores como o heroísmo, a justiça, a honestidade e a coragem.

Dirigido por um experiente profissional, “A Viagem do Peregrino da Alvorada” conta com a segurança de Michael Apted para imprimir a uma história que, sinceramente, não tem nada de mais em um filme que, se não é brilhante, não chega a ser decepcionante. Claro que, como ficou comprovado em “A Leão, a Feiticeira e o Guarda Roupa”, esta franquia poderia render muito mais. Entretanto, ficamos satisfeitos com a manutenção do padrão técnico da obra. Como sempre acontece, os grandes destaques continuam sendo os efeitos visuais, a direção de arte, a fotografia os figurinos e a trilha sonora – com especial menção à canção “There’s a Place for Us”, interpretada por Carrie Underwood, que esperamos ver indicada no Oscar 2011 da categoria.

Cotação: 6,0

As Crônicas de Nárnia – A Viagem do Peregrino da Alvorada (The Chronicles of Narnia – The Voyage of the Dawn Treader, 2010)
Direção: Michael Apted
Roteiro: Christopher Markus, Stephen McFeely e Michael Petroni (com base na obra de C.S. Lewis)
Elenco: Georgie Henley, Skandar Keynes, Ben Barnes, Will Poulter, Gary Sweet, Terry Norris, Tilda Swinton, Anna Popplewell, William Moseley, Liam Nesson, Simon Pegg

Entry filed under: Cinema.

Senna Tron – O Legado

21 Comentários Add your own

  • 1. Amanda Aouad  |  janeiro 6, 2011 às 12:49 am

    É, o filme é bem feito, mas não nos empolga, né? Também ainda acho que O leão, a feiticeira e o guarda-roupa nos prometia uma saga melhor.

    Responder
  • 2. cleber eldridge  |  janeiro 6, 2011 às 1:06 am

    Por algum motivo eu nunca prestei muita atenção em “As Crónicas de Nárnia” só assisti o primeiro, que não me agradou e deixei passar os outros.

    Responder
  • 3. Cassio Bezerra  |  janeiro 6, 2011 às 1:06 am

    Oi Ka,
    NARNIA 3, para mim, só não foi uma terrível experiência por dois motivos: assisti-lo com pessoas que amo e, seus minutos finais quando Aslan aparece – aquela cena tem um enorme poder filosófico.
    Ah… não queria ver “Ther’s A Place For Us” recebendo uma nomeação no Oscar não, a do Globo de Ouro já lhe basta…
    ABS
    😉

    Responder
    • 4. Kamila  |  janeiro 6, 2011 às 2:55 am

      Amanda, exatamente. Concordo plenamente contigo.

      Cleber, eu gosto muito dessa série….

      Cassio, pois eu quero MUITO ver “There’s a Place for Us” no Oscar 2011! Abraços!

      Responder
  • 5. Cristiano Contreiras  |  janeiro 6, 2011 às 1:07 am

    Eu ainda prefiro o primeiro também. Mas, ao contrário de todos, eu acho esse terceiro filme bastante fiel ao livro – então, será que o erro está na concepção literária? Porque a trama do livro, inclusive passagens e diálogos são bem semelhantes ao roteiro do filme. Ao meu ver, um dos erros do terceiro filme é o elenco…poderia ter sido melhor escolhido. Will Poulter faz o personagem Estácio mais chato do que ele é no livro, rs. Irrita bastante. Achei caricatural e forçado.

    A fotografia e os efeitos visuais são belíssimos!

    Beijo!

    Responder
    • 6. Kamila  |  janeiro 6, 2011 às 2:56 am

      Cristiano, eu não conheço os livros, então! rsrsrsrsrs Eu não achei o Eustáquio chato! Beijo!

      Responder
  • 7. Luis Galvão  |  janeiro 6, 2011 às 10:46 am

    Eu sempre achei As Crônicas com um teor moralista demais. O que não atrapalha, é verdade, mas que me deixa incomodado com essa necessidade de dizer o que é certo e errado, que sempre haverá consequências para os atos e tal. Enfim, pelos livros, não veremos nenhum dos Pevensie nas próximas jornadas, será que teremos mais continuações, assim?

    Responder
  • 8. Fael Moreira  |  janeiro 6, 2011 às 2:20 pm

    Depois de não gostar de nenhum dos filmes anteriores me questiono se eu deva assistir o terceiro. Acho que os filmes de Nárnia são justamente sobre a busca de valores como você disse. Mesmo assim não consigo simpatizar com os filmes e provavelmente não gostarei tanto de “A Viagem do Peregrino da Alvorada”. Mas “There’s a Place for Us” é indiscutivelmente uma bela canção, estou no aguardo também para vê-la entre os indicados da Academia. Beijos!

    Responder
  • 9. Weiner  |  janeiro 6, 2011 às 3:58 pm

    O primeiro episódio de Nárnia já demonstrava alguma falta de fôlego, e jamais esperei por continuações de altíssimo nível – embora a inocência da história e o carisma dos atores tenham me conquistado. A Viagem do Peregrino da Alvorada me deixou satisfeito, sim, porém conferi o longa numa tarde despretensiosa e tudo pareceu perfeito para AQUELA ocasião. Analisando-o com calma, agora, vejo que não evoluiu em relação a seus antecessores, ainda é uma história carente de dramaticidade e substância, com personagens um tanto rasos, mas de visual, figurinos e fotografia impressionantes. Ah, não gosto de “There’s a Place for Us”! 🙂
    Beijos!

    Responder
    • 10. Kamila  |  janeiro 6, 2011 às 9:11 pm

      Luís, teremos, sim. O Eustáquio que vai protagonizar a próxima. E concordo com você em relação ao caráter moralista das obras de Nárnia.

      Fael, se você não gostou dos outros dois filmes, então, nem assista ao terceiro. Beijos!

      Weiner, eu gosto muito do primeiro filme. Mas, as duas continuações são bem abaixo do nível que eu esperava. Eu concordo que a história, aqui, especialmente, precisa de mais trabalho e substância. Beijos!

      Responder
  • 11. Otavio Almeida  |  janeiro 6, 2011 às 8:14 pm

    Eu só gostei do 1. Mas ainda não vi esse. Se bem que aquelas crianças de Nárnia são muito chatas… Ainda não decidi se vejo no cinema ou em casa daqui a alguns meses.

    Bjs!

    Responder
    • 12. Kamila  |  janeiro 6, 2011 às 9:12 pm

      Otavio, poxa, as crianças de Nárnia não são chatas! rsrsrsrssrrs Beijos!

      Responder
  • 13. Fê Trentini  |  fevereiro 24, 2011 às 3:35 am

    Não vi ainda, mas como estão comentando que a Franquia vai ser cancelada… Eu gostaria que fosse até o fim, li todos os livros e gostaria de ter a impressao de cada adaptção… acho uma pena que acabe.

    Responder
    • 14. Kamila  |  fevereiro 24, 2011 às 10:24 pm

      , acho que está na hora mesmo de cancelar a franquia…. Os filmes estão cada vez piores…

      Responder
  • 15. Gabriela  |  agosto 7, 2011 às 7:21 pm

    ‘ Amoo os filmees .. Amoo os Livros .. Amoo os atores s2s2 ‘

    Responder
  • 16. Gabriela  |  agosto 7, 2011 às 7:23 pm

    A franquia ñ vai ser cancelada ‘ Irão fazer O Sobrinho do Mago s2s2 ‘ .. Amoo Nárnia ‘ Mais acho que nárnia ñ será a mesma sem nenhum Pevensie 😦

    Responder
    • 17. Kamila  |  agosto 7, 2011 às 10:07 pm

      Gabriela, a história da série de livros é legal, mas não dá para negar que a série cinematográfica foi caindo ao longo dos filmes realizados, o que é uma pena.

      Responder
  • 18. Clóvis Tayllon  |  setembro 7, 2011 às 6:37 pm

    Eu sou muito fã de livros e filmes de fantasia e Narnia não é exceção. Pretendo terminar de ler todos os livros até o final de ano.
    Mas em matéria de filmes, “A viagem do peregrino da alvorada” não me deu a mesma sensação de satisfação dos outros dois.

    Acho que a culpa maior é a do novo diretor que não soube dar emoção à história. Concordo contigo também quando a qualidade cinematográfica da série parece cair com o passar do tempo. Até mesmo os efeitos especiais não são tão bons quanto antigamente.

    Os pontos altos do filme são a direção de arte, o elenco, o figurino e a trilha sonora. E sim, como foi que “There’s a place for us” não foi indicada ao Oscar de melhor canção esse ano? Estou ficando cada vez mais decepcionado com a Academia.

    Nota para o filme: 6,3

    Abraços!

    Responder
    • 19. Kamila  |  setembro 8, 2011 às 12:15 am

      Clóvis, eu adoro essa franquia, mas acho que os filmes foram piorando a cada nova parte… Eu sinto falta da interação entre os irmãos Pevensie. E adorei a música da Carrie, que fecha o filme. Por mim, ela teria sido indicada ao Oscar. Abraços!

      Responder
  • 20. Clóvis Tayllon  |  setembro 9, 2011 às 11:56 pm

    Na minha opinião “There’s a Place for us” deveria era ter conquistado o Oscar, isso sim!

    “Sinto falta da interação entre os irmãos Pevensie”

    Então,você vá ficar um pouco decepcionada com o próximo filme de franquia, já que eles farão uma adaptação de “o Sobrinho do Mago” que por sinal não tem nenhum dos irmãos Pevensie na história. Mas eu estou ansioso por esse filme, pois, ele vai contar toda a história de Nárnia, desde de sua criação até o momento em que os quatro irmãos chegam lá.

    Abraços!

    Responder
    • 21. Kamila  |  setembro 10, 2011 às 12:24 am

      Clóvis, eu adoro a música e acho que uma indicação já estava de bom tamanho. Pois é, tô sabendo dessa trama do novo filme e eu acho o Eustáquio tão irritante, mas tão irritante…. Veremos como será… Abraços!

      Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


A autora

Kamila tem 29 anos, é cinéfila, leitora voraz, escuta muita música e é vidrada em seriados de TV, além de shows de premiações.

Contato

cinefilapn@gmail.com

Último Filme Visto

Lendo

Arquivos

Blog Stats

  • 453,118 hits

Feeds


%d blogueiros gostam disto: