Os Melhores de 2010

dezembro 23, 2010 at 9:47 pm 43 comentários

Agora, são 176 filmes vistos no ano. E nada mudou em nossa lista de Melhores de 2010. Em comum entre os filmes selecionados, o fato de que aliam uma boa técnica cinematográfica a um bom roteiro, mas o lado principal destas obras: elas mexeram conosco, tiveram aspectos com os quais nos identificamos, nos fizeram refletir e pensar no cinema. E isso, num blog que fala sobre a sétima arte, é fundamental e é o que nos move. Que mais filmes como estes venham em 2011.

Top 10 dos Melhores Filmes de 2010
01. Direito de Amar (A Single Man, 2009, dir. Tom Ford)
02. A Origem (Inception, 2010, dir. Christopher Nolan)
03. A Rede Social (The Social Network, 2010, dir. David Fincher)
04. Tropa de Elite 2 – O Inimigo Agora é Outro (2010, dir. José Padilha)
05. Preciosa – Uma História de Esperança (Precious, 2009, dir. Lee Daniels)
06. Guerra ao Terror (The Hurt Locker, 2009, dir. Kathryn Bigelow)
07. Julie & Julia (Julie & Julia, 2009, dir. Nora Ephron)
08. Brilho de uma Paixão (Bright Star, 2009, dir. Jane Campion)
09. 500 Dias com Ela ((500) Days With Summer, 2009, dir. Marc Webb)
10. O Mensageiro (The Messenger, 2009, dir. Oren Moverman)

O Melhor Filme: “Direito de Amar”, de Tom Ford
O Melhor Diretor: Christopher Nolan, por “A Origem”
O Melhor Ator: Colin Firth, por “Direito de Amar”
A Melhor Atriz: Gabourey Sidibe, por “Preciosa – Uma História de Esperança”
O Melhor Ator Coadjuvante: Andrew Garfield, por “A Rede Social”
A Melhor Atriz Coadjuvante: Mo’Nique, por “Preciosa – Uma História de Esperança”
O Melhor Roteiro Original: Christopher Nolan por “A Origem”
O Melhor Roteiro Adaptado: Aaron Sorkin, por “A Rede Social”
A Melhor Animação: “Toy Story 3”, de Lee Unkrich
O Melhor Filme Nacional: “Tropa de Elite 2 – O Inimigo Agora é Outro”, de José Padilha
O Melhor Elenco: “A Rede Social”
A Melhor Fotografia: Barry Ackroyd, por “Guerra ao Terror”
A Melhor Montagem: Eduard Grau, por “Direito de Amar”
A Melhor Direção de Arte: Sarah Greenwood e Katie Spencer, por “Sherlock Holmes”
O Melhor Figurino: Colleen Atwood, por “Alice no País das Maravilhas”
A Melhor Trilha Sonora: Abel Korzeniowski, por “Direito de Amar”
A Melhor Canção Original: “The Weary Kind”, de “Coração Louco”
A Melhor Maquiagem: “Alice no País das Maravilhas”
Os Melhores Efeitos Visuais: “Tron – O Legado”
O Melhor Som: “Guerra ao Terror”

A Melhor Cena de 2010

(O final de Toy Story 3)

Por representar, fielmente, que o fim não significa um término, mas somente o começo de uma nova história, ou o recomeço de tudo.
===================

Aproveito para agradecer a companhia de vocês todos por mais um ano no Cinéfila por Natureza. Desejo a todos vocês e suas respectivas famílias um Feliz Natal e que 2011 seja um ano repleto de bênçãos, realizações, muita saúde e, claro, bons filmes! O blog volta no dia 02 de janeiro! Nos vemos em breve!

Entry filed under: Diversos.

Os Piores de 2010 Cena da Semana

43 Comentários Add your own

  • 1. Amanda Aouad  |  dezembro 23, 2010 às 10:05 pm

    Surpresa em ver Julie & Julia e Brilho de uma Paixão na lista. Ótima lista no geral, fez jus ao ano. E linda a homenagem a Toy Story, esse final emocionou mesmo.

    Feliz Natal e um ótimo 2011 para você também, Kamila. Que possamos continuar trocando idéias sobre essa paixão cinematográfica.

    beijos

    Responder
  • 2. Matheus  |  dezembro 23, 2010 às 10:16 pm

    AMEI ver “Direito de Amar” no topo da lista. Acho que tu sabes o quanto sou apaixonado por esse filme e também não é dúvida pra ninguém que ele é o meu favorito do ano também!

    Responder
  • 3. Matheus  |  dezembro 23, 2010 às 10:17 pm

    Ignora um dos “também” no meu comentário hahaha

    Responder
    • 4. Kamila  |  dezembro 24, 2010 às 2:51 am

      Amanda, obrigada pelo comentário e pelos votos de Boas Festas! Desejo o mesmo para você. Beijos!

      Matheus, sei, sim, que é um dos seus filmes favoritos do ano e favoritos de sempre! 🙂

      Responder
  • 5. James Lee  |  dezembro 23, 2010 às 10:18 pm

    Ótima lista Kamila, fez boas escolhas. Gostei muito de ver Preciosa, Direito de Amar e (500) Dias com ela [que era a minha escolha para representar 2009 em minha lista].

    Feliz Natal e um próspero ano novo.
    Abraços 😉

    Responder
  • 6. Cristiano Contreiras  |  dezembro 23, 2010 às 10:30 pm

    Achei a lista ótima! mas, eu acho que “Ilha do Medo” poderia entrar na lista de melhores filmes. E a atuação de DiCaprio por esse filme me impactou muito mais que Colin Firth por “Direito de Amar” (não desmecerecendo esse, claro).

    Mas, listas são sempre pessoais.

    Beijo!

    Responder
  • 7. Reinaldo Matheus Glioche  |  dezembro 24, 2010 às 1:49 am

    Ótima lista Ka. Vc se beneficiou ao resgatar filmes que estrearam no ano passado, mas que vc só conferiou este ano. Não posso dizer um ai de uma lista tão equilibrada. Os premiados tb foram bem. Direito de amar, Preciosa, A rede social, A origem…
    e a melhor cena….
    Well done!

    A minha lista de melhores sai no dia 29 de dezembro. Espero que vc possa ver.

    Grande beijo e um felicíssimo natal para vc e sua família Ka.
    Beijão

    Tb desejo um 2011 de muito, mas muito mesmo, cinema para vc. Além claro, de paz, saúde, amor, dinheiro e um caminhão de felicidade.
    bjs

    Responder
    • 8. Kamila  |  dezembro 24, 2010 às 2:53 am

      James, obrigada!

      Cristiano, mas eu não gostei de “Ilha do Medo”. Pode ler minha crítica nos arquivos do blog. Então, nem tinha como essa obra estar aqui. Gosto, no entanto, da atuação do DiCaprio, mas nunca consideraria-a melhor que a do Firth. Beijos!

      Reinaldo, obrigada! 🙂 Depois, leio a sua lista dos melhores de 2010. Um beijo para você e obrigada pelos desejos de Boas Festas. Te retribuo o mesmo para você e sua família!

      Responder
  • 9. Hneto  |  dezembro 24, 2010 às 11:28 am

    A lista tem suas qualidades, não nego.
    Mas se prende unicamente ao cinema comercial americano,
    é como se não houvesse nada interessante alem dos USA.

    Responder
  • 10. cleber eldridge  |  dezembro 24, 2010 às 12:23 pm

    Yeah Yeah! Escolhas muitos parecidas, sim, Direito de Amar é uma obra-prima, uma pérola sem igual!

    Responder
  • 11. Roberto Queiroz  |  dezembro 24, 2010 às 2:03 pm

    Eu não vi muita coisa em Guerra ao Terror, mas no geral a lista é boa. Meu destaque vai pra Preciosa e Direito de Amar (dois filmes que me surpreenderam esse ano). Kamila, um feliz natal e um ótimo 2011 pra você também.

    Responder
    • 12. Kamila  |  dezembro 27, 2010 às 12:27 pm

      Hneto, fazer o quê se o cinema comercial americano domina as distribuidoras e eu vivo em uma cidade em que, praticamente, não se passam filmes de fora dessa escola. Considere a minha realidade! E eu não baixo filmes na Internet, ao contrário de outros blogueiros cinéfilos. Sou contra isso. Portanto, antes de criticar, me conheça!

      Cleber, obrigada!

      Roberto, obrigada! Um Feliz Ano novo para você! Tudo de bom!

      Responder
  • 13. Leandro  |  dezembro 24, 2010 às 5:24 pm

    Muito de respeito esse primeiro colocado da sua lista,aliás toda sua lista é ótima,Abraços.

    Responder
  • 14. Luis Galvão  |  dezembro 24, 2010 às 6:25 pm

    Ótima lista Kamila, escolhas bem curiosas…rsrs. Tou brincando, gosto bastante de todos os filmes vencedores, mesmo que ache Direito de Amar um filme superestimado. Julie e Julia e Brilho de uma Paixão sendo lembrados foi ótimo também, assim como a arte de Sherlock. E a cena do ano? Nossa, tão emocionante quanto a do ano passado de Up que você escolheu.

    Enfim, acho que já falei isso por diversos meios, mas vale apena ressaltar meus cumprimentos ao seu trabalho no blog e que 2011 nos dê ótimos frutos, filmes e conversas. Um maravilhoso Natal para você, muita saúde, paz e prosperidade nessa nova jornada que vai se iniciar. Beijos 🙂

    Responder
  • 15. Jonathan Nunes  |  dezembro 25, 2010 às 2:52 pm

    Ótima lista Kamila, representa bem o ano de 2010.
    Mas o que marcou mesmo foi essa cena final de Toy Store 3, lembrarei para sempre o que senti quando vi a cena pela primeira vez.
    Abs.

    Responder
    • 16. Kamila  |  dezembro 28, 2010 às 11:55 am

      Leandro, obrigada! Abraços!

      Luís, obrigada! Desejo o mesmo para você, em 2011! Beijos!

      Jonathan, isso é típico da Pixar e essa cena nunca perderá seu impacto! Abraços!

      Responder
  • 17. Mayara Bastos  |  dezembro 25, 2010 às 11:39 pm

    Belíssima lista, assim com a cena acima que não consegue conter as lágrimas.

    Quero desejar a você e sua família um maravilhoso 2011, com muitas felicidades, realizações, paz e muitas histórias para contar.

    Muito obrigado por tudo, amiga! 🙂

    Responder
  • 18. Wally  |  dezembro 26, 2010 às 7:52 pm

    AMEI seus três primeiros colocados. Só faltou “Toy Story 3”, rs. Trocaria ele com “Julie & Julia”.

    Responder
  • 19. Leo  |  dezembro 26, 2010 às 10:00 pm

    Grata surpresa ver A Single Man no topo!! Também foi o meu preferido de 2010. Ótima lista.

    Responder
    • 20. Kamila  |  dezembro 28, 2010 às 11:56 am

      Mayara, obrigada! Desejo o mesmo para você e sua família em 2011! Obrigada, de novo! Beijos!

      Wally, “Toy Story 3” não entrou na lista por um triz. 🙂

      Leo, obrigada!

      Responder
  • 21. Cláudio M. Paixão  |  dezembro 27, 2010 às 1:33 am

    Excelente lista! “Direito de Amar” merece, apesar de que achei “Guerra ao Terror” e “A Rede Social” superiores.

    Responder
  • 22. Cláudio M. Paixão  |  dezembro 27, 2010 às 2:58 am

    Kamila, como sei que você gosta de Oscar, baixei “Inverno da Alma”, “Rabbit Hole”, “Animal Kingdom” e “Cisne Negro”. Por que não tenta também e posta suas críticas antes dos lançamentos americanos?
    Um abço.

    Responder
    • 23. Fernando  |  dezembro 27, 2010 às 4:30 pm

      Oi, Claudio, tudo bem?

      Onde foi que você baixou estes filmes?
      E se possivel qual é o link ou o site?

      Abraço!

      Responder
      • 24. Kamila  |  dezembro 28, 2010 às 11:57 am

        Cláudio, obrigada! Mas, olha, não baixo filmes na Internet. Prefiro esperar pelo lançamento das obras no cinema ou em DVD. Abraço!

  • 25. bruno knott  |  dezembro 27, 2010 às 3:39 am

    Direito de Amar e A Rede Social são fantásticos… certamente estarão na minha lista tb.

    Eu sou um daqueles que não gostou tanto de A Origem, mas não tem como negar que o trabalho do Nolan foi excelente, afinal ele transformou um roteiro intrincado em algo bem acessível.

    Não assisti Bright Star, fiquei com vontade.

    Abraços!

    Responder
  • 26. Cassio  |  dezembro 27, 2010 às 3:14 pm

    Cara Kamila,
    repassei o prêmio Dardos a você, minha amiga, pela sempre pontual presença e inestimável importância do Cinéfila Por Natureza para a blogosfera!
    Parabéns!
    😉

    Responder
  • 27. Paulo Ricardo  |  dezembro 27, 2010 às 5:10 pm

    Lista bacana e otimas escolhas.Direito de Amar realmente é um filme lindo e comovente,a as escolhas foram acertadas.Essa cena de Toy Story 3 me emociona profundamente,e esse ano comentei no seu blog e gostei muito dele.Pretendo em 2011 seguindo a cinéfila por natureza e lendo seus textos.Beijos e boa virada de ano.

    Responder
    • 28. Kamila  |  dezembro 28, 2010 às 11:58 am

      Bruno, obrigada e assista “Bright Star”. Abraços!

      Cassio, obrigada! 🙂

      Paulo, obrigada! E nos vemos em 2011! Boa virada de ano pra você também!

      Responder
  • 29. Elton Telles  |  dezembro 28, 2010 às 1:26 am

    TOY STORY 3 ?

    gostei da pessoalidade da lista. Mais do que se é composta por filmes (e a sua é), o que importa é que ela seja fiel a que realmente achamos. Parabéns por isso!

    bjs!

    Responder
  • 30. fabiana  |  dezembro 28, 2010 às 11:23 am

    Gracinha de Toy Stry, néam? Amei! E A Origem é simplesmente sensacional!

    Responder
    • 31. Kamila  |  dezembro 28, 2010 às 11:59 am

      Elton, obrigada! Beijos!

      Fabiana, concordo com os dois comentários!

      Responder
  • 32. museudocinema  |  dezembro 29, 2010 às 11:32 pm

    Feliz natal.

    Bom, acho que só concordamos com A Origem dessa lista!

    Responder
  • 33. Otavio Almeida  |  dezembro 30, 2010 às 3:05 pm

    FELIZ ANO NOVO PRA VOCÊ, KAMILA! E OBRIGADO POR TUDO!!

    Bjs!

    Responder
  • 34. Rafael Carvalho  |  dezembro 30, 2010 às 3:07 pm

    Legal sua lista, só senti falta de uma produções não faladas em inglês, como A Fita Branca e Mother. E acho um grande exagero a supervalorização de A Rede Social, um filme bem bom, mas não essa maravilha que tanta gente apregoa. Mas enfim, bom ver Brilho de uma Paixão na sua lista.

    Responder
    • 35. Kamila  |  dezembro 31, 2010 às 12:32 pm

      Cassiano, imaginei, já que nosso gosto para cinema é bem diferente! 🙂 Feliz Ano Novo!

      Otavio, feliz ano novo para você também! Imagino que 2011 será um ano marcante pra você, por tudo que está por vir e conte sempre com a minha amizade! 🙂 Beijos!

      Rafael, obrigada pelo comentário!

      Responder
  • 36. Fernando  |  dezembro 31, 2010 às 6:03 am

    Oi, Kamila, tudo bem?

    Gostei muito da inclusão de Preciosa e da Gabourey Sidibe na sua lista, porque para mim ela foi a grande injustiçada da ultima temporada de premiações. Mas posso estar sendo influenciado, porque é incrível o quanto me identifiquei com a historia dessa menina!!

    De qualquer maneira, há de se convir que ela interpretou um papel muito dificil em Preciosa, especialmente tratando-se de uma estreante. E há tambem o fato de que uma atriz com o perfil dela dificilmente terá outra oportunidade como esta.

    Beijos!!

    Responder
    • 37. Kamila  |  dezembro 31, 2010 às 12:33 pm

      Fernando, obrigada! Eu gosto muito, tanto de “Preciosa” quanto da interpretação da Gabourey! Beijos!

      Responder
  • 38. Wallace  |  janeiro 2, 2011 às 9:16 pm

    Putz, eu não gosto de A Single Man (prefiro não pronunciar o título tosco que ganhou no Brasil). Era um dos filmes que mais esperava em 2010, e achei decepcionante, visualmente é uma beleza, Firth tá magnífico, mas só. Achei vazio. A história é um fiapo, e falta profundidade também, acho que o Tom Ford excedeu na sua vontade de soar importante. Enfim, são impressões…
    E acho Julie & Julia horrível, um porre! Sério que você gosta?
    Também publiquei no blog os meus filmes favoritos de 2010. Dá uma olhada lá…

    Responder
    • 39. Kamila  |  janeiro 2, 2011 às 9:34 pm

      Wallace, eu discordo dos seus comentários sobre “A Single Man”. Adoro o filme, acho belíssimo! E AMO “Julie & Julia”. Vou conferir sua lista!

      Responder
  • 40. marconi  |  janeiro 5, 2011 às 8:15 pm

    Da sua lista, só não concordo com “500 dias com ela” e “brilho de uma paixão”. São superestimados pra mim.

    Responder
    • 41. Kamila  |  janeiro 5, 2011 às 11:13 pm

      Marconi, respeito sua opinião!

      Responder
  • 42. Mandy  |  janeiro 9, 2011 às 4:34 am

    Feliz 2011!

    Concordo com:

    Top 10 dos Melhores Filmes de 2010
    02. A Origem (Inception, 2010, dir. Christopher Nolan)
    04. Tropa de Elite 2 – O Inimigo Agora é Outro (2010, dir. José Padilha)
    05. Preciosa – Uma História de Esperança (Precious, 2009, dir. Lee Daniels)
    07. Julie & Julia (Julie & Julia, 2009, dir. Nora Ephron)

    Alguns n vi, outros n gostei ou n vi tanto destaque.

    Amo toy story, chorrei muito no 3!

    Responder
    • 43. Kamila  |  janeiro 9, 2011 às 9:10 pm

      Mandy, eu também chorei bastante em “Toy Story 3”.

      Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


A autora

Kamila tem 29 anos, é cinéfila, leitora voraz, escuta muita música e é vidrada em seriados de TV, além de shows de premiações.

Contato

cinefilapn@gmail.com

Último Filme Visto

Lendo

Arquivos

Blog Stats

  • 453,379 hits

Feeds


%d blogueiros gostam disto: