Emmy 2010 – Supporting Actress in a Drama Series*

agosto 25, 2010 at 2:12 am 21 comentários

*Atenção aos spoilers

Burn Notice • USA • FOX Television Studios in association with Fuse Entertainment
Sharon Gless as Madeline Westen
Histórico na premiação: 10 indicações e 2 vitórias
Episódio: “Devil You Know”

Também é certo dizer que pouquíssima gente apostava em uma indicação para a veterana Sharon Gless no Emmy 2010. Até mesmo porque ela vem de um seriado que nunca atraiu a atenção de qualquer das premiações mais conhecidas de TV. Em “Burn Notice”, Gless interpreta a mãe do personagem principal do programa. Em “Devil You Know”, o filho de Madeline está sendo altamente procurado pela polícia e pelo FBI. O papel da personagem de Gless, neste episódio, é proteger o paradeiro do filho e evitar que ele seja pego pelo detetive que está interrogando-a. Ela só brilha na sua cena final.

Damages • FX Networks • Sony Pictures Television, FX Productions and KZK Productions
Rose Byrne as Ellen Parsons
Histórico no Emmy: 2 indicações e nenhuma vitória
Episódio: “Your Secrets are Safe”

No decorrer das duas primeiras temporadas de “Damages”, Rose Byrne foi a coadjuvante perfeita para Glenn Close e, em vários momentos, enfrentou a grande atriz de igual para igual. Por esta razão, não consigo entender o por quê da australiana ter escolhido este episódio para o Emmy 2010. Os caminhos de Ellen Parsons e os de Patty Hewes não se cruzam mais (ou é isso que eles querem que a gente pense) e Ellen está tentando recomeçar uma vida como advogada longe da sombra e dos domínios de Patty. Rose, aqui, tem muito pouco o que fazer. É uma atuação burocrática e que não deve causar impacto entre os votantes.

The Good Wife • CBS • CBS Productions
Archie Panjabi as Kalinda Sharma
Histórico na premiação: Primeira indicação
Episódio: “Hi”

Antes de ser anunciada a lista de indicados ao Primetime Emmy Awards 2010, eu nunca tinha ouvido falar em Archie Panjabi. Também acho que ela foi um daqueles casos em que ninguém apostava que ela chegaria até à premiação. Em “Hi”, a personagem que Panjabi interpreta possui um papel fundamental nas duas tramas principais do episódio. Além dela ser testemunha chave no caso do marido de Alicia Florrick, ela está atuando como investigadora no caso mais recente de seu escritório (eles têm 48h para provar a inocência do cliente deles numa acusação de assassinato). Apesar desta importância toda para estas tramas em particular, a performance de Panjabi é um tanto discreta, sem grandes momentos. Ou seja, a indicação dela já é a grande vitória dela neste ano.

The Good Wife • CBS • CBS Productions
Christine Baranski as Diane Lockhart
Histórico na premiação: 8 indicações e 1 vitória
Episódio: “Bang”

Uma veterana da televisão norte-americana, Christine Baranski tem uma presença de tela muito forte em “The Good Wife”. O caso que Diane Lockhart, sua personagem, está trabalhando, neste episódio, é bem interessante. Ela defende um homem acusado de assassinar um banqueiro que fez um golpe em milhares de pessoas (incluindo o réu) e o crime é cheio de lacunas que permitem que ela construa uma dúvida razoável, que favorece o seu cliente. Os melhores momentos dela são as interações com o especialista em balística que ela contrata para ajudá-la. Uma outra coisa que pode ser favorável à Baranski é o fato de, nesta categoria, a ATAS adorar premiar uma atriz veterana – ainda mais uma com o currículo que ela tem.

Mad Men • AMC • Lionsgate Television
Christina Hendricks as Joan Harris
Histórico na premiação: Primeira indicação
Episódio: “Guys Walks Into an Advertising Agency”

Curioso como Christina Hendricks, mesmo ficando ausente por boa parte da terceira temporada de “Mad Men”, conseguiu emplacar esta merecida indicação por um dos melhores episódios da última temporada do seu seriado. “Guys Walks Into an Advertising Agency” retrata os últimos momentos de Joan Harris na Sterling Cooper. Na storyline que nos importa, ela está abandonando seu emprego para se transformar em uma dona de casa e esposa em tempo integral, uma vez que o marido dela esperava se transformar em Residente Chefe do hospital onde trabalha. Quando os planos do marido vão por água abaixo, não sabemos como Joan se sente diante disso, mas, quando a festa de despedida dela na Sterling Cooper acontece, com resultados catastróficos, fica a certeza de que Joan fará muita falta ali. É uma performance que dura poucos minutos, mas que causa impacto na gente.

Mad Men • AMC • Lionsgate Television
Elisabeth Moss as Peggy Olson
Histórico na premiação: 2 indicações e nenhuma vitória
Episódio: “Love Among the Ruins”

Quando Elisabeth Moss trocou de categoria (saindo de Lead Actress in a Drama Series para Supporting Actress in a Drama Series), muita gente colocou-a, de cara, como favorita ao prêmio. Após o anúncio dos indicados, esta certeza se solidificou. Pena que, na prática, isso não funciona de verdade. Em “Love Among the Ruins”, encontramos a abordagem da maior dualidade de Peggy Olson. Ela é bem sucedida, ela é inteligente, ela é diferenciada se comparada às outras mulheres, mas ela não consegue se envolver com os homens certos. Então, ela tenta ter uma atitude mais aberta diante da vida. Isso irá ajudá-la? Ninguém sabe, sinceramente… Elisabeth Moss é uma atriz de muito talento e Peggy já tem elementos bem definidos e que acabam sendo a cara da atriz. Fica a sensação de que a atriz poderia ter sido mais ousada em sua escolha, uma vez que a sua performance neste episódio não afeta muito a gente. Provavelmente, nem lembraremos dela ao final.

Ranking:
1. Christine Baranski, “The Good Wife”
2. Christina Hendricks, “Mad Men”
3. Rose Byrne, “Damages”
4. Elisabeth Moss, “Mad Men”
5. Sharon Gless, “Burn Notice”
6. Archie Panjabi, “The Good Wife”

Quem vai vencer? Christine Baranski, “The Good Wife”
Fique de olho em: Christina Hendricks e Elisabeth Moss

Entry filed under: Prêmios.

Emmy 2010 – Supporting Actor in a Drama Series* Salt

21 Comentários Add your own

  • 1. Leandro  |  agosto 25, 2010 às 2:18 am

    Pra ser sincero essa é a minha categoria preferida,minha preferida absoluta é Elisabeth Moss (até porque Peggy é uma das minhas personagens preferidas entre todas as séries que assisto atualmente).
    Mas pelo episódio ficaria com Christina Hendricks que dá um show.
    Já sobre as indicadas de The Good Wife,fiquei muitíssimo feliz com a indicação,gosto muito de ambas personagens.

    Responder
  • 2. Louis Vidovix  |  agosto 25, 2010 às 2:21 am

    Concordo com você que está entre Christine e Christina – a primeira por ser veterana e experiente, e a segunda por ter uma performance de grande alcance, que cobre desde sua personagem mais frágil e vulnerável (as cenas no apartamento com o marido) até a profissional centrada e impecável (o acidente no escritório). Nem preciso dizer que Hendricks é minha favorita pessoal, e que é a melhor mulher da história da humanidade! Hahahaha

    Beijo!

    Responder
  • 3. Marilia Costa  |  agosto 25, 2010 às 2:21 am

    Eu conheço apenas a Christina dessa mulherada toda. Gostaria de ver mais certas séries, mas fico apenas lendo! =P

    Responder
    • 4. Kamila  |  agosto 25, 2010 às 2:47 am

      Leandro, a minha favorita é Lead Actress in a Drama Series. E, nesta categoria, em particular, a Elisabeth Moss é minha favorita também.

      Louis, rsrsrsrrrsr. Eu sei do seu amor pela Christina Hendricks! rsrsrsrsrs

      Marília, eu adoro ler e assistir filmes, mas sempre deixo tempo pras séries. 🙂

      Responder
  • 5. cleber eldridge  |  agosto 25, 2010 às 2:30 am

    Não consegui terminar de ver a temporada completa de ‘The Good Wife’, mas, a categoria está ganha já por uma das duas de ‘Mad Men’, e muito também é por causa da submissão fraca dos episódios das concorrentes. Mas, se Sharon Gless foi lembrada, é porque ai tem, rs.

    Responder
    • 6. Kamila  |  agosto 25, 2010 às 2:48 am

      Cleber, Sharon Gless foi lembrada por uma série porcaria, isso sim! rsrsrsrs

      Responder
  • 7. Lucienne  |  agosto 25, 2010 às 5:47 am

    minha favorita é a excelente Rose Byrne
    na excelente melhor séria do momento Damages

    Responder
  • 8. Ana Safira  |  agosto 25, 2010 às 5:48 am

    rose byrne é a favorita pra mim
    tem um excelente trab e o conjunto da obra tb é excelente

    Show rose byrne

    Responder
  • 9. Ana Safira  |  agosto 25, 2010 às 5:49 am

    eu escolho

    a Rose Byrne é a favorita pra mim
    tem um excelente trab e o conjunto da obra tb é excelente

    Show rose byrne

    Responder
    • 10. Kamila  |  agosto 25, 2010 às 10:32 pm

      Lucienne, a Rose é boa atriz, mas não acho que ela vença aqui, infelizmente.

      Ana Safira, pra você, vale o que eu disse pra Lucienne.

      Responder
  • 11. Reinaldo Matheus Glioche  |  agosto 25, 2010 às 1:33 pm

    Olha, para mim é uma categoria um tanto imprevisível. Gosto muito da atuação de Christina Hendricks, mas Rose Byrne está na fila a mais tempo e uma vitória poderia ajudar a resgatar Damages qua anda mal das pernas. Enfim, não arriscaria uma vitoriosa.
    bjs

    Responder
  • 12. John Nova  |  agosto 25, 2010 às 2:33 pm

    Sharon Gless vai ganhar e eu vou rir da cara de todo mundo prevendo a Hendricks. (Assim espero lol)

    Bjs

    Responder
  • 13. johnnysf  |  agosto 25, 2010 às 5:21 pm

    Pessoalmente, esta costuma ser uma das minhas categorias preferidas e este ano odeio. Sharon Gless? Por amor de deus… Mas alguém vê Burn Notice? Faz-me lembrar o ano em que Ellen Burstyn foi indicada ao Emmy por aparecer 14 segundos em tela. Depois tem a Archie Panjabi, que é boa… Mas se “Hi” era o melhor que ela tinha, ela não merecia a indicação. Não gosto de Rose Byrne e a sua submissão nem comento. Elisabeth Moss podia vencer, submeteu mal… E o pior é que Khandi Alexander, Chloe Sevigny, Chandra Wilson, Sandra Oh, Jennifer Carpenter, etc. ficaram de fora.
    Voltanto à questão, rsrs. Acho que Baranski vence. Moss ou Hendricks podem surpreender, mas não discordo do John Nova – ainda Sharon Gless vence e eu deixo de assistir o Emmy, rsrsrs.

    Responder
    • 14. Kamila  |  agosto 25, 2010 às 10:34 pm

      Reinaldo, é uma categoria equilibrada mesmo. Minha favorita é a Elisabeth Moss, mas acho que a escolha de episódio dela cagou tudo pra ela. Não acho, sinceramente, que Rose Byrne tem chances de vencer. Beijos!

      John, vira a boca pra lá! rsrsrsrsrsrs Beijos!

      Johnny, “Burn Notice” é uma porcaria. Como uma série dessas é indicada numa categoria importante do Emmy??? Eu gosto da Elisabeth Moss, mas a melhor coadjuvante do ano nem foi indicada: Chloe Sevigny! Paciência!

      Responder
  • 15. Vinícius P.  |  agosto 25, 2010 às 10:56 pm

    Minha torcida total vai para as duas atrizes de “Mad Men”. Concordo que a Christina Hendricks tem uma submissão melhor, mas prefiro até que a Moss vença pelo retrospecto (para mim já merecia no último ano). Mas, ao fim, a Christine Baranski deve vencer mesmo, por uma série de motivos.

    Responder
    • 16. Kamila  |  agosto 25, 2010 às 11:12 pm

      Vinícius, minha torcida também é das duas atrizes de “Mad Men” e eu espero que você esteja certo e a Moss vença pelo retrospecto, mas deve dar Christine Baranski mesmo.

      Responder
  • 17. johnnysf  |  agosto 26, 2010 às 11:47 am

    Kamila, graças a Deus alguém concorda comigo! Este prémio era da Chloe Sevigny!

    Responder
    • 18. Kamila  |  agosto 26, 2010 às 4:11 pm

      Johnny, esse prêmio TINHA que ser dela.

      Responder
  • 19. Alexsandro Vasconcelos  |  agosto 27, 2010 às 6:46 am

    O problema da Moss é que ela, assim como o John Slattery, ficou um tanto “apagada” nessa terceira temporada de Mad Men. Ok, que depois daquele season finale da segunda temporada seria difícil a atriz se superar. Contudo, acredito que os votantes levarão em consideração suas duas indicações anteriores (pela categoria errada, diga-se de passagem) e a coloquem à frente da sua colega de lenco, que realmente possui uma submissão melhor. Dito isso, se nenhuma das duas chegar a vencer, também tem o problema da divisão de votos, Baranski tem a estatueta em mãos. Achei sua submissão um tanto preguiçosa, visto que ela possui episódios em que ela aparece menos, mas se destaca mais. É, de fato, uma presença forte em cena sempre, e por isso não ficarei surpreso se vencer, mas continuo apostando na Moss.

    Responder
  • 20. Alexsandro Vasconcelos  |  agosto 27, 2010 às 6:46 am

    E essa categoria foi a mais bizarra desse ano. Só pra constar.

    Responder
    • 21. Kamila  |  agosto 28, 2010 às 12:03 am

      Alexsandro, verdade. Tanto Moss, quanto Slattery ficaram meio apagados nessa terceira temporada de “Mad Men”. Eu quero que Moss ganhe, apesar de achar que Baranski prevalecerá. Por quê você acha essa categoria bizarra?

      Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


A autora

Kamila tem 29 anos, é cinéfila, leitora voraz, escuta muita música e é vidrada em seriados de TV, além de shows de premiações.

Contato

cinefilapn@gmail.com

Último Filme Visto

Lendo

Arquivos

Blog Stats

  • 453,290 hits

Feeds


%d blogueiros gostam disto: