Premonição 4

fevereiro 13, 2010 at 7:58 pm 21 comentários

Quem se propõe a assistir aos filmes da série “Premonição” já sabe o que irá encontrar. Dificilmente, os longas da franquia sofrem algum tipo de modificação em sua estrutura principal. Ou seja, temos aquele personagem que, diante de uma situação que acontece no prólogo, tem uma premonição. De alguma forma, ele (a) convence seus amigos de que todos têm que sair dali. Uma vez constatada que o pressentimento dele (a) estava correto, passa o alívio imediato de se sentir vivo e começa uma nova luta: a pela sobrevivência, uma vez que a morte não pode ser trapaceada. 

Na quarta parte da série, que foi dirigida por David R. Ellis (responsável também pelo segundo capítulo desta franquia), a premonição é sentida por Nick (Bobby Campo), que estava em um autódromo na companhia da namorada Lori (Shantel VanShanten) e do casal de amigos Hunt (Nick Zano) e Janet (Haley Webb). A cena que assistimos, neste momento, é igual à muitas outras que vimos nos filmes anteriores da franquia com a diferença de que, além de salvar as vidas de seus amigos mais próximos, Nick acaba carregando, acidentalmente, consigo, estranhos que também estavam no local. 

O que se segue a este acontecimento também não é novidade para aqueles familiarizados com o universo dos longas “Premonição”, uma vez que os sobreviventes acabam falecendo em “acidentes” para lá de bizarros. Independente da forma como eles morrem, um detalhe nos chama a atenção. Ao frisar coisas mundanas como a pedra que é jogada na placa de rua, o óculos que é deixado na mesa de trabalho, o copo molhado deixado em cima de algum lugar, o cadarço do tênis que fica preso na escada rolante, entre outros, o diretor David R. Ellis reforça somente a grande ideia por trás desses filmes: a de que a morte acontece quando ela tem que ocorrer, e não adianta querer lutar contra isso. 

Como podemos perceber, originalidade não é o forte de “Premonição 4”. O que o longa acaba de oferecendo de diferente são os criativos créditos iniciais e finais e a possibilidade de assisti-lo, nos cinemas brasileiros, em tecnologia 3D. Com certeza, faz alguma diferença ver aqueles desastres todos tão próximos da plateia. Entretanto, o fato de tudo estar tão perto da gente faz com que o olhar mais atento perceba vários erros primários nas concepções das cenas. Exemplos: os efeitos, na cena do autódromo, soam totalmente artificiais; e, na cena que se passa no lavajato, dá para perceber totalmente a atriz Haley Webb mexendo o teto solar do seu carro, enquanto fingia estar completamente presa ali. 

Cotação: 4,0

Premonição 4 (Final Destination 4, 2009)
Diretor: David R. Ellis
Roteiro: Eric Bress (com base nos personagens criados por Jeffrey Reddick)
Elenco: Bobby Campo, Shantel VanShanten, Nick Zano, Haley Webb, Mykelti Williamson, Krista Allen, Andrew Fiscella, Justin Welborn

Entry filed under: Cinema.

A Teta Assustada Cena da Semana

21 Comentários Add your own

  • 1. João Paulo  |  fevereiro 13, 2010 às 8:20 pm

    O filme só foi feito para assistir em 3D … e resto … precisa comentar … pelo menos a cena da piscina é a prova que ver filme de terror em 3D É O BIXUUUUU

    Ver pessoas passando mal nessa sequencia é a prova concreta que o importante não é saber se a história é o maximo, mas sim de provar por que o 3D a cada dia faz a diferença no cinema …

    Beijos Milla

    Responder
    • 2. Kamila  |  fevereiro 13, 2010 às 8:26 pm

      João Paulo, eu nem passei mal nesse filme, nem vi ninguém passando mal! Beijos!

      Responder
  • 3. João Paulo  |  fevereiro 13, 2010 às 8:27 pm

    Então o povo de lá é fresco mesmo … é tudo minina criada com leite com pera e ovomaltine … ehehehe

    Xerim!

    Responder
  • 4. bruno knott  |  fevereiro 13, 2010 às 8:49 pm

    BOA KAMILA!
    Exatamente a nota que eu dei… e é isso mesmo que você falou. As mortes são muito mal feitas.
    Sendo assim, qual o motivo de ver o filme? Nenhum!

    Bjos!!

    Responder
    • 5. bruno knott  |  fevereiro 13, 2010 às 8:50 pm

      ah, muito obrigado pelo link no seu blog!
      bjos.

      Responder
      • 6. Kamila  |  fevereiro 13, 2010 às 9:18 pm

        João Paulo, rsrsrsrsrsrsrs Beijo!

        Bruno K., totalmente mal feitas. Beijos! E de nada pelo link. Você merece! 🙂 Beijos!

  • 7. Vinícius P.  |  fevereiro 13, 2010 às 10:40 pm

    Os anteriores até que são divertidos, portanto devo dar uma chance para esse no DVD quando for lançado – pelo jeito não há muita pressa para vê-lo, né? Bom carnaval para você!

    Responder
  • 8. Jack Lewis  |  fevereiro 14, 2010 às 2:45 am

    Kamila, querida tudo bom?
    4,0 tudo isso?
    Perdoe-me, eu chamo isso de LIXO!

    Responder
  • 9. Mandy  |  fevereiro 14, 2010 às 3:18 am

    Bem fraco, com uns efeitos beeem toscos!!!!

    Responder
    • 10. Kamila  |  fevereiro 14, 2010 às 9:44 pm

      Vinícius, nenhuma pressa para vê-lo. Espera mesmo pelo DVD. Bom Carnaval para você também!

      Jack, tudo bem, obrigada. E com você? É lixo mesmo! Não tem o que perdoar!

      Mandy, isso mesmo!

      Responder
  • 11. Paulo Ricardo  |  fevereiro 14, 2010 às 1:45 pm

    Concordo com você Kamila(vc é xará da minha irmã rsss),o filme Premonição 4 não tem nada de original.Não assisti ainda,mas depois de ler seu texto estou com medo de ver essa “Bomba” hehehe,Beijão e bom domingo.

    Responder
  • 12. Reinaldo Matheus Glioche  |  fevereiro 14, 2010 às 6:14 pm

    Pois é, não precisa de 3D para notar efeitos mal feitos né?! Bem, esse quarto filme eu só vou ver mesmo na tv por assinatura. Com uma safra boa de filmes lançando no cinema, esse exemplar não é prioridade por todas as razões que vc enumerou em sua critica.
    Bjs

    E quanto ao Lobisomen, que notei que foi seu último filme visto( o meu tb), outra porcaria hein!?

    Bjs de novo! rsrs

    Responder
    • 13. Kamila  |  fevereiro 14, 2010 às 9:48 pm

      Paulo, olha, que legal ser xará da sua irmã. 🙂 Não é para ter medo de ver essa bomba, até porque esse filme não causa medo! Beijo e bom domingo!

      Reinaldo, não precisa mesmo! E acho que é melhor deixar para ver esse filme em casa mesmo. Sobre “O Lobisomem”: não diria que é uma porcaria, mas é um filme que não empolga. Beijos!

      Responder
  • 14. John Nova  |  fevereiro 14, 2010 às 10:37 pm

    Nota 4, Kam? Nossa você foi bem boazinha…
    Um lixo de filme. Um lixo de roteiro. Lixo de interpretações. (Interpretações?!? Onde? Cadê?). Enfim… A série já deu o que tinha q dar.

    Bjs e Bom Carnaval!

    Responder
  • 15. Kamila  |  fevereiro 14, 2010 às 10:42 pm

    John, é um lixo mesmo! Beijos e bom Carnaval para você também!

    Responder
  • 16. Fael Moreira  |  fevereiro 15, 2010 às 5:31 pm

    Kamila, no seu primeiro parágrafo você disse absolutamente tudo sobre o que é a franquia “Premonição”. A premissa sempre é a mesma e as modificações são bem poucas. O diferencial neste 4º é somente o fato de ser em 3D que pode proporcionar algum divertimento, mas isso não influencia nem um pouco na qualidade do filme. Bjos!

    Responder
  • 17. Mayara Bastos  |  fevereiro 15, 2010 às 8:02 pm

    Não faço questão de ver este filme… rsrsrs

    Beijos! 😉

    Responder
    • 18. Kamila  |  fevereiro 15, 2010 às 9:25 pm

      Fael Moreira, exatamente! Beijos!

      Mayara, nem eu fazia. Acabei vendo por falta de outra opção mesmo! Beijos!

      Responder
  • 19. Wally  |  fevereiro 15, 2010 às 9:47 pm

    Parece ser tão dispensável… assim como foi o terceiro.

    Responder
  • 20. Nayara  |  julho 15, 2010 às 8:23 pm

    Até gosto da trilogia, mas criar um quarto com a mesma mesmice e diz nas críticas que se vc torcia para as pessoas sobreviverem nos outros filmes nesse daí nem isso tem, minha irmã assistiu com o namorado dela e gostou até porque foi o primeiro filme 3D dela na vida.

    Responder
    • 21. Kamila  |  julho 16, 2010 às 2:26 am

      Wally, totalmente dispensável!

      Nayara, eu não gosto MESMO dessa trilogia.

      Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


A autora

Kamila tem 29 anos, é cinéfila, leitora voraz, escuta muita música e é vidrada em seriados de TV, além de shows de premiações.

Contato

cinefilapn@gmail.com

Último Filme Visto

Lendo

Arquivos

Blog Stats

  • 453,286 hits

Feeds


%d blogueiros gostam disto: