O Sequestro do Metrô 1 2 3

setembro 14, 2009 at 11:01 pm 14 comentários

O ator Denzel Washington é tão versátil que ele pode dizer que é um dos poucos que esteve em ambos os lados de uma história. Explico: em “Um Ato de Coragem”, de Nick Cassavetes, Denzel interpretou um pai desesperado que toma um andar de um hospital, fazendo médicos e pacientes de reféns para que seu único filho possa ter direito ao transplante de coração que o seu plano de saúde não cobre; já, em “O Sequestro do Metrô 1 2 3”, de Tony Scott, Washington interpreta um controlador de tráfego do metrô nova-iorquino e que se vê como negociador de um sequestro. 

O personagem que Denzel Washington interpreta se chama Walter Garber e ele é um cara que já foi uma figura importante no setor em que trabalha, mas que acabou sendo rebaixado para a posição de controlador de tráfego do metrô após algo acontecer com ele. Se fosse qualquer outra pessoa, estaria totalmente desmotivada com o rebaixamento, mas Walter mantém o moral elevado e trabalha com a mesma competência tendo a certeza de que, logo, estará de volta à sua posição antiga. Ao passar a encabeçar as negociações para a resolução do sequestro do metrô que saiu da estação de Pelham, Garber tem a chance de mostrar serviço e de ter uma visibilidade que, antes, não teria – afinal seu desempenho está sendo observado de perto não só pelo seu chefe (Michael Rispoli), como por um policial do alto escalão da NYPD (John Turturro) e pelo prefeito de Nova York (James Gandolfini). 

O antagonista de “O Sequestro do Metrô 1 2 3” é Ryder (John Travolta, totalmente caricato), o líder do grupo de seqüestradores que ameaça matar todos os passageiros do vagão se um milionário resgate não for pago no prazo máximo de uma hora. O relacionamento que se estabelece entre ele e Garber é o ponto mais importante do filme de Tony Scott porque está claro que eles não possuem experiência no tipo de situação com a qual estão lidando, mas impressionam a gente pela segurança e pulso firme com que enfrentam tudo. O jogo que será estabelecido entre eles será extremamente emocional e vencerá, no final, aquele que tiver coragem para fazer aquilo que é necessário. 

Apesar de ser um filme de ação bem estruturado e com um ritmo muito bom, o maior pecado de “O Sequestro do Metrô 1 2 3” é a sua edição em ritmo de videoclipe, que chega a picotar algumas cenas sem necessidade. Além disso, é importante perceber que o diretor Tony Scott volta a um tipo de visual que ele apresentava em obras como “Inimigo do Estado” – ao invés de manter a concepção documental que marcou seus trabalhos mais recentes, como “Domino – A Caçadora de Recompensas” e “Chamas da Vingança”. 

Cotação: 6,5

O Sequestro do Metrô 1 2 3 (The Taking of Pelham 1 2 3, 2009)
Diretor: Tony Scott
Roteiro: Brian Helgeland (com base no livro de John Godey)
Elenco: Denzel Washington, John Travolta, Luis Gusmán, John Turturro, James Gandolfini, Michael Rispoli, John Benjamin Hickey

Entry filed under: Cinema.

Cena da Semana À Deriva

14 Comentários Add your own

  • 1. Kau Oliveira  |  setembro 14, 2009 às 11:43 pm

    Parece ser um bom filme de ação, não é mesmo?! E gosto de saber que o diretor estabelece uma relação interessante entre os protagonistas. Ia assistir este fim de semana, mas não tive tempo acredita?!

    Beijos!!

    Responder
    • 2. Kamila  |  setembro 15, 2009 às 12:05 am

      Kau, não acrescenta nada ao gênero.. Poderia ser mais legal. Beijos!

      Responder
  • 3. Otavio Almeida  |  setembro 15, 2009 às 1:14 am

    Filmaço, hein! Hehe… Tô brincando, Kamila! Mas belo texto!

    Bjs!

    Responder
  • 4. Rafael Moreira  |  setembro 15, 2009 às 2:00 am

    Kamila, gosto muito das atuações de Denzel Washington, ele consegue sempre salvar os filmes comerciais em que atua, deixando-os sempre tensos. Quero ver o resultado deste último longa, mas o tempo não permitre nem atualizar meu blog, kkkkkkk. Beijos!

    Responder
  • 5. Bruno Pongas  |  setembro 15, 2009 às 2:53 am

    Vou dividir uma raiva minha com vc, Kamila rs…
    Eu ODEIO esses filmes em formato de videoclipe.. nada mais chato, tira toda a graça das obras (na maioria dos casos).
    Sobre Sequestro do Metrô, ainda não assisti, e acho que nem pretendo mesmo…

    Beijos!

    Responder
    • 6. Kamila  |  setembro 15, 2009 às 10:33 pm

      Otavio, obrigada! Beijos!

      Rafael Moreira, acho que este seria um bom filme para se assistir em casa, com aquela pipoca e aquele refrigerante! 🙂 Beijos!

      Bruno Pongas, eu também não gosto dessa edição em ritmo de videoclipe. Beijos!

      Responder
  • 7. Vinícius P.  |  setembro 15, 2009 às 5:11 am

    O Tony Scott é um diretor que raramente acerta (tanto que de seus trabalhos recentes só consigo gostar mais de “Deja Vu”, que não é nenhuma maravilha), portanto não tenho expectativa alguma para esse filme.

    Responder
  • 8. Marcus  |  setembro 15, 2009 às 5:02 pm

    Um baita elenco, mas tá me cheirando a bomba, apesar de ter curtido até ‘Chamas da Vingança’. Tem que dar uns calmantes para os câmeras do T.Scott. =P
    Beijão, ótima semana! =)

    Responder
  • 9. Weiner  |  setembro 15, 2009 às 6:25 pm

    Por falar em trabalhos recentes de Tony Scott, percebo algo engraçado. Odeio “Domino” com todas as forças do meu coração, enquanto curti bastante “Chamas da Vingança”. O Denzel Washington é um ator que ainda consegue me arrastar para um cinema, e certamente vou conferir este “Sequestro do metrô 1 2 3”.
    Beijos!

    Responder
    • 10. Kamila  |  setembro 15, 2009 às 10:35 pm

      Vinícius, o Tony Scott é aquele diretor operário padrão, que faz umas obras totalmente hollywoodianas. Tem gente que gosta. Não é meu caso!

      Marcus, não chega a ser bomba, não! Beijão e ótima semana!

      Weiner, o Tony Scott é irregular demais e o Denzel vale sempre a entrada do cinema. Beijos!

      Responder
  • 11. Dewonny  |  setembro 16, 2009 às 5:42 pm

    Achei regular, é akele tipo de filme q vale a pena enquanto dura, mais pelos atores, no caso, Denzel e Travolta q garantem um bom programa, nota 6.0! Mas concordo com td q disseste!
    Bjo! Diego!

    Responder
    • 12. Kamila  |  setembro 17, 2009 às 12:45 am

      Diego, concordo contigo. Beijo!

      Responder
  • 13. Mayara Bastos  |  setembro 19, 2009 às 8:32 am

    Veria o filme pelo Denzel, e só, já que não espero muita coisa de um filme de Tony Scott, só ação, mas parece que esse só numa sessão “action” da vida, rsrsrs.

    Beijos! 😉

    Responder
  • 14. WILLIS DE FARIA (Cinefilomaniacos)  |  novembro 18, 2009 às 1:24 am

    Veremos o terceiro filme de John Godey, em uma adaptação do livro “O Seqüestro do Metrô 123”. Primeiro veio à versão 1974 com Walter Matthau e, depois, houve 1998 da televisão “remake” com Edward James Olmos, e agora Denzel Washington, mais eletrizante. O primeiro filme foi feito como um brilhante-thriller que o cineasta Quentin Tarantino, foi reconhecido como inspirador perfeito para o seu tempo, embora naturalmente sentindo mais do que um pouco ultrapassado agora. Nela, Walter Matthau desempenhou o papel de operador do Metrô e Robert Shaw o malvado vilão. O atual Seqüestro do Metro 123, produzido pelo Diretor Tony Scott, conta com um grupo de homens armados, liderados pelo comandante Ryder (John Travolta), tendo mais um metrô de Nova Iorque, seqüestrado, com ameaças de matar reféns, a menos que um resgate seja pago pela Prefeitura de Nova York. O Funcionário antigo do tráfego de metrô, Walter Garber (Denzel Washington) assume a chamada de Ryder e é forçado a agir como uma ligação entre os seqüestradores e policiais de Nova York, mas como o enredo se desdobra utiliza os seus conhecimentos sobre o metrô para tentar complicar os criminosos. Um “remake” de um clássico Hollywoodiano é uma forte tendência estes dias, por isso é com grande alívio que posso confirmar que “O Seqüestro do Metro 1 2 3” é uma clássica atualização do original, em ritmo forte e atmosfera tensa, com Travolta e Washington fazendo um grande papel. O filme é tão profissionalmente bem feito, que você raramente terá o luxo de ter seus olhos fora da tela. Nota: 7,0

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


A autora

Kamila tem 29 anos, é cinéfila, leitora voraz, escuta muita música e é vidrada em seriados de TV, além de shows de premiações.

Contato

cinefilapn@gmail.com

Último Filme Visto

Lendo

Arquivos

Blog Stats

  • 453,120 hits

Feeds


%d blogueiros gostam disto: