Emmy 2008 – Lead Actor in a Comedy Series*

setembro 15, 2008 at 6:47 pm 14 comentários

* Alguns comentários podem conter spoilers.

Alec Baldwin como Jack Donaghy, “30 Rock” (NBC)
Histórico no Emmy: 7 indicações e nenhuma vitória
Episódio: “Rosemary’s Baby”

O episódio submetido por Alec Baldwin, ao Emmy 2008, foi indicado a outras duas categorias: Best Writing e Directing in a Comedy Series. Ou seja, você já tem a prova da alta qualidade de “Rosemary’s Baby”. Apesar da trama do episódio focalizar o que acontece com Liz Lemon (Tina Fey) quando ela encontra seu ídolo Rosemary (Carrie Fisher), Baldwin tem uma storyline bem interessante e que o coloca ao lado de Tracy Jordan (Tracy Morgan), quando Jack Donaghy tenta convencê-lo a não criar uma rinha de cachorros. A cena em que Donaghy leva Tracy para a terapia e encarna três personagens relacionados à infância de Jordan é sensacional e deixa Baldwin muito bem na luta pelo seu primeiro Emmy.

Steve Carell como Michael Scott, “The Office” (NBC)
Histórico no Emmy: 4 indicações e nenhuma vitória
Episódio: “Goodbye, Toby”

Acredito que Steve Carell ainda não venceu um Emmy pela sua excelente performance no seriado “The Office” porque Michael Scott é um personagem que, muitas vezes, desperta a antipatia do espectador. Em “Goodbye, Toby”, pela primeira vez, Michael causa simpatia na gente. A trama do episódio retrata o último dia de trabalho de Toby Flenderson (Paul Lieberstein), responsável pelo departamento de Recursos Humanos da Dunder Mifflin. O personagem de Steve Carell se apaixona à primeira vista pela substituta de Toby, Holly (Amy Ryan), mas um reencontro com a ex-namorada Jan Levinson (Melora Hardin) pode mudar tudo isso. “Goodbye, Toby” vale mais pelo fato de que nós podemos ver este outro lado de Michael Scott e, talvez, por isso, Carell possa ter uma maior chance de vencer o Emmy de Lead Actor in a Comedy Series.

Lee Pace como Ned, “Pushing Daisies” (ABC)
Histórico no Emmy: Primeira indicação
Episódio: “Pie-lette”

É até estranho ver o ator Lee Pace indicado nesta categoria, já que sua performance como Ned, em “Pushing Daisies”, é muito diferente do tipo de comédia realizado pelos outros atores citados pelo Emmy. Por guardar um grande segredo a respeito de si mesmo (ele tem o poder de trazer os mortos de volta à vida), Ned é um homem tímido, meigo e que evita qualquer tipo de contato maior com as outras pessoas. No episódio “Pie-lette”, todos os conflitos do personagem nos são apresentados: a sua característica peculiar, o amor por Charlotte “Chuck” Charles (Anna Friel) e o uso de seu poder para investigar crimes e arrecadar recompensas ao lado do detetive Emerson Cod (Chi McBride). É justamente este caráter diferenciado de Ned e sua performance mais sutil – sem ofercer aqueles momentos chamativos -, que fazem com que o ator Lee Pace tenha poucas chances de sair vencedor do Emmy de Lead Actor in a Comedy Series.

Tony Shalhoub como Adrian Monk, “Monk” (USA)
Histórico no Emmy: 6 indicações e 3 vitórias (2003, 2005 e 2006) nesta categoria pela performance em “Monk”
Episódio: “Mr. Monk and the Naked Man”

Está claro que a Academia de Artes e Ciências Televisivas adora o trabalho de Tony Shalhoub, já que, nas seis temporadas de “Monk”, ele sempre foi indicado ao Emmy de Lead Actor in a Comedy Series. No episódio “Mr. Monk and the Naked Man”, o detetive portador de transtorno obsessivo-compulsivo tem que investigar um crime que ocorreu em uma praia de nudismo. Aqui, Monk ainda tem que enfrentar o trauma que ele possui em relação à qualquer coisa que tenha a ver com nudez. É uma boa performance (especialmente na cena em que Monk explica ao seu terapeuta o por quê de ele temer os nudistas), mas não é suficiente para fazer com que Tony Shalhoub vença seu quarto Emmy.

Charlie Sheen como Charlie Harper, “Two and a Half Men” (CBS)
Histórico no Emmy: 3 indicações e nenhuma vitória
Episódio: “Is There a Mrs. Waffles?”

Deve ser muito fácil para o ator Charlie Sheen interpretar o personagem principal do seriado “Two and a Half Men”: um homem mulherengo e que leva uma boa vida – afinal, ele próprio é assim. Quem acompanha o programa regularmente sabe que Charlie Harper é o compositor de vários jingles publicitários. Neste episódio, ele está prestes a lançar um CD com músicas infantis sob a alcunha de Charlie Waffles. Interessado no possível número de mães solteiras que irá conhecer, Charlie embarca com gosto nos compromissos de divulgação relacionados a este trabalho – exceto quando tem que fazer um show, já que o personagem possui um medo de se apresentar nos palcos. A performance de Sheen tem momentos inspirados, mas não tanto o suficiente para fazer com que ele surpreenda os favoritos e vença o Emmy.

Rankings:
1. Alec Baldwin, 30 Rock
2. Steve Carell, The Office
3. Tony Shalhoub, Monk
4. Lee Pace, Pushing Daisies
5. Charlie Sheen, Two and a Half Men

Quem vai vencer? Steve Carell. Todo ano as pessoas esperam que ele vença. A diferença é que, em 2008, o ator escolheu um episódio que mostra Michael Scott no seu melhor momento. A cena final de “Goodbye, Toby” é de uma meiguice só e marca o início de uma nova fase para o seu personagem.
Fique de olho em: Alec Baldwin. Ao contrário do ano passado, em que inscreveu um episódio péssimo para o Emmy, o ator, em 2008, escolheu uma amostra perfeita de seu excelente trabalho como Jack Donaghy, em “30 Rock”.

Entry filed under: Prêmios.

Cena da Semana Emmy 2008 – Best Actress in a Drama Series*

14 Comentários Add your own

  • 1. Kau  |  setembro 15, 2008 às 7:49 pm

    – Alec, “30 Rock”: vc sabe que não gosto desta série, mas seu elenco é um trunfo. Alec vem como meu preferido e aposto nele como front-runner.

    – Steve, “The Office”: EXCELENTE episódio, mas não consigo achar Steve o melhor do ano… ele não é nem o meu segundo favorito, vem na terceira posição. Entretanto, acho que se alguém tirar de Alec, será ele mesmo.

    – Lee, “Pushing Daisies”: gosto da série, Lee é bom, mas nada de extraordinário. Mereceu a indicação e o episódio submetido é favorito à tudo a que concorre, mas ele não.

    – Tony, “Monk”: ah, eu detesto essa série e nem acho que ele pende muito para o pastelão. É minha última opção e eu nem teria indicado (teria indicado fácil Jonny Lee Miller por Eli Stone).

    – Charlie, “Two and a Half Men”: detesta a série né, Kami? Eu me divirto demais! Choro de rir e Charlie é uma comédia à parte!! É meu segundo preferido, mas não vai vencer MESMO.

    Bjos.

    Responder
  • 2. Kamila  |  setembro 15, 2008 às 8:23 pm

    Kau, eu também acho que o Alec é o frontrunner para ganhar, mas aposto na vitória do Steve Carell por causa daquela estatística que o Louis mencionou: a de que faz um bom tempo que dois atores do mesmo seriado não vencem as categorias principais do Emmy. Como eu acho que a vitória de Tina Fey é incontestável, aposto que o Baldwin perde e o Carell ganha. De qualquer forma, independente de quem seja o vencedor entre os dois, o Emmy estará em ótimas mãos. Beijos!

    Responder
  • 3. Marcus Vinícius  |  setembro 15, 2008 às 9:28 pm

    Nunca gostei do Monk. Que leve o Alec Baldwin o prêmio então.
    Aproveitei o meme pra reabrir o blog. =P
    Beijoss!!

    Responder
  • 4. Alyson  |  setembro 15, 2008 às 11:00 pm

    Saudades da época em que eu morava em Hotel para ver tudo quanto é tipo de seriados. Hoje, sou fanático por FRIENDS e estou baixando todas as temporadas. Terminando ela vou procurar “Pushing Daisies”, porque vi alguns episódios, quando não morava com meus pais, em Maringá, e adorei!

    Beijos, Kamila!

    Responder
  • 5. Vinícius P.  |  setembro 15, 2008 às 11:38 pm

    Desses, não vejo “Monk” e “Two and a Half Men”, por isso fica complicado avaliar a chance real desses candidatos – mas por algum motivo considero esses como os mais fracos da categoria.

    Alec Baldwin- não só acho que vence como torço por ele. Todos os comentários em relação à seu desempenho em “Rosemary’s Baby” são mais que merecidos.

    Steve Carell- fez a escolha certa mesmo, esse é seu melhor episódio, mas acharia péssimo que ele ganhasse justamente pela temporada mais fraca de “The Office”. Isso é o que dá ir deixando o prêmio para o futuro – chega uma hora que terão que premiá-lo por uma atuação mais fraca do que aquela observada anos atrás.

    Lee Pace- eu adoro esse ator, só não venceu na minha lista de melhores por causa da performance arrasadora do Alec Baldwin. É estranho mesmo vê-lo indicado, já que esse tipo de comédia não faz muito sucesso entre os votantes do Emmy, mas adoraria vê-lo premiado.

    VENCE: Alec Baldwin (alt. Steve Carell)
    MERECE: Alec Baldwin (alt. Lee Pace)

    Responder
  • 6. rebeca  |  setembro 15, 2008 às 11:48 pm

    q legal um blog q fala de cinema..seriados…
    visite o meu…
    http://www.rebecaervas.blogspot.com
    eu falo de gastronomia…
    abraços e sorte!

    Responder
  • 7. Rafael Moreira  |  setembro 16, 2008 às 12:44 am

    Kamila, acho que todos os blogueiros já estão cansados de saber que eu não sou muito ligado em séries de TV. Portanto, não posso dizer se há ou não injustiças.
    Ah! Obrigado, li sua mensagem no orkut! 😉

    Bjão e um abraço!

    Responder
  • 8. Fernando Ribeiro  |  setembro 16, 2008 às 1:30 am

    Não sou muito de acompanhar séries, no entanto pelo que pouco que vi, Steve Carrell deve ser um forte candidato. É um excelente actor de comédia.

    Responder
  • 9. Cassiano Sairaf  |  setembro 16, 2008 às 1:49 pm

    O Alec vem numa crescente impressionante desde q separou da Kim Basinger.

    Responder
  • 10. Sérgio Déda  |  setembro 16, 2008 às 2:41 pm

    Não acompanho muito… mas me parece que Alec leva dessa vez… aliás torço por isso por ser fã dele…

    vlws

    Responder
  • 11. Ibertson  |  setembro 16, 2008 às 3:52 pm

    Infelizmente, não acompanho nenhuma dessas séries, mas gostaria de assistir depois The Office e Pushing Daisies. Os atores, no entanto, são extremamente talentosos.

    Responder
  • 12. Pedro Henrique  |  setembro 16, 2008 às 4:59 pm

    Eu torço pelo agente 86!!!!!!!!

    Abraço, Kamil!

    Responder
  • 13. Matheus  |  setembro 16, 2008 às 6:44 pm

    Torço e acho que o Alec Baldwin vai vencer.
    Mas ainda acho que o Steve Carell tem reais chances…

    Responder
  • 14. Kamila  |  setembro 16, 2008 às 11:36 pm

    Marcus, eu torço pelo Baldwin, mas acho que Carell leva. Vou ver o top 10 no seu blog.

    Alyson, “Friends” é um clássico e “Pushing Daisies” é uma ótima série! Beijos!

    Vinícius, eu torço pelo Baldwin, mas me preocupo com esta estatística de que faz tempo que os vencedores em Lead Actor e Actress in a Comedy Series não são da mesma série. Não assisto “The Office”, então, nem posso falar sobre a qualidade desta temporada, mas achei o episódio submetido por Carell excelente.

    Rebeca, obrigada pela visita e pelo comentário! Boa sorte com o blog!

    Rafael Moreira, de nada! Espero que tenha tido um bom dia de aniversário! 🙂 Beijos!

    Fernando, o Carell e o Alec Baldwin são os mais fortes desta categoria.

    Cassiano, eu sempre achei o Alec um bom ator e concordo plenamente com seu comentário.

    Sérgio, torço por Alec, mas acho que Carell leva.

    Ibertson, só assisto “Pushing Daisies” e a série é ótima. Tem um conceito super original.

    Pedro, eu torço pelo Alec, mas acho que o Agente 86 leva. Abraço!

    Matheus, eu concordo com você!!!!

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


A autora

Kamila tem 29 anos, é cinéfila, leitora voraz, escuta muita música e é vidrada em seriados de TV, além de shows de premiações.

Contato

cinefilapn@gmail.com

Último Filme Visto

Lendo

Arquivos

Blog Stats

  • 453,118 hits

Feeds


%d blogueiros gostam disto: