Star Wars – The Clone Wars

agosto 22, 2008 at 7:43 pm 22 comentários

A história do filme de animação “Star Wars – The Clone Wars”, do diretor Dave Filoni, se passa num período que está entre os acontecimentos relatados nos longas “Star Wars Episódio II – O Ataque dos Clones” e “Star Wars Episódio III – A Vingança dos Sith”. A animação, na realidade, é uma espécie de continuidade de muito do que foi visto na série de mesmo nome – que teve três temporadas, as quais foram transmitidas no Brasil pelo canal Cartoon Network – e que foi concebida por Genndy Tartakovsky (o mesmo de “Samurai Jack” e “O Laboratório de Dexter”), a pedido de George Lucas.

 

Estamos no meio das Guerras Clônicas. Os exércitos da República Galáctica (os quais são liderados pelos Cavaleiros Jedi) e da Confederação dos Sistemas Independentes (sob o comando de Conde Dookan) estão se confrontando. Como sempre, a briga tem como finalidade a disputa de poder. No meio de toda esta batalha, o Mestre Yoda (dublado por Tom Kane) dá para Obi-Wan Kenobi (dublado por James Arnold Taylor) e Anakin Skywalker (dublado por Matt Lanter) a missão de resgatar o filho seqüestrado de Jabba the Hut (dublado por Kevin Michael Richardson), de forma que os Jedi possam transitar livremente pelo espaço aéreo da área dominada por Hut.

 

O interessante em “Star Wars – The Clone Wars” é que a animação coloca, em segundo plano, personagens clássicos da série, como o Chanceler Palpatine (dublado por Ian Abercrombie) e a Padmé Amidala (dublada por Catherine Taber), e nos apresenta a novos seres. O grande destaque vai para Ahsoka Kano (dublada por Ashley Eckstein), a Padawan de Anakin Skywalker. A garota possui algumas características em comum com seu mentor, como o fato de que é imprudente, ansiosa, voluntariosa e impetuosa.

 

Como dá para perceber pela ficha técnica de “Star Wars – The Clone Wars”, a animação, apesar de estar situada dentro do universo “Star Wars”, pouco tem a ver com os filmes da série. A presença de atores diferentes (com exceção de Samuel L. Jackson e Christopher Lee, que oferecem suas próprias vozes para, respectivamente, Mace Windu e Conde Dookan) dublando os personagens clássicos contribui para esta visão de não-continuidade. No entanto, este não é o maior problema do filme. A equipe de animadores falhou em oferecer, aos personagens, um olhar que tivesse vida e que nos mostrasse qualquer tipo de sentimento. O inexplicável é tentar compreender como o perfeccionista George Lucas deixou isto passar batido.

 

Cotação: 7,0

 

Star Wars – The Clone Wars (Star Wars – The Clone Wars, 2008 )

Diretor: Dave Filoni

Roteiro: Henry Gilroy, Stephen Melching, Scott Murphy (com base na história, nos personagens e no universo criado por George Lucas)

Com as vozes de: Matt Lanter, Ashley Eckstein, James Arnold Taylor, Tom Kane, Ian Abercrombie, Catherine Taber, Kevin Michael Richardson, Samuel L. Jackson

Entry filed under: Cinema.

Divulgado o Trailer de “Frost/Nixon” Cena da Semana

22 Comentários Add your own

  • 1. João Paulo  |  agosto 22, 2008 às 8:37 pm

    Pelo jeito que falasse … estava pensando que irias esculachar o filme e colocando uma nota baixa … Me enganei …

    E sim, um coligado meu que é fã diz que o filme não é nada mais do que complemento do seriado e que se o criador, o mesmo de O Laboratório de Dexter, tivesse no comando … a história seria outra …

    Porém esse mesmo amigo ressalta as cenas alucinantes de ação …

    Quem sabe no dvd … e pá …

    Responder
  • 2. Kamila  |  agosto 22, 2008 às 9:21 pm

    João, eu fiquei até surpreendida de que o Genndy não estava por trás do filme. Parece-me que o Dave Filoni está até à frente da nova temporada de “The Clone Wars”. As cenas de ação são mesmo o grande destaque. Bom final de semana!

    Responder
  • 3. Rodrigo Fernandes  |  agosto 22, 2008 às 10:31 pm

    Kamila, vi algumas avaliações nos sites e essa animação naõ estava lá muito bem…
    é mutio raro euv er animação nos cinemas, porem fiqei com votade de ver essa, pois acho muito bom Star wars, principalmente a primeira trilogia…
    porém, com o meu tempo de sobra, rs… aí fica mais complciado pega rum cineminha mesmo, então vou esperar chegar em dvd…rs
    beijos!!!!

    Responder
  • 4. Vinícius P.  |  agosto 23, 2008 às 12:29 am

    Até que estava ansioso por esse filme, mesmo não sendo um dos maiores fãs de “Star Wars”. Acontece que por algumas imagens achei o estilo de animação bem fraco, sem falar que a trama não chama muito a atenção.

    Responder
  • 5. Robson Saldanha  |  agosto 23, 2008 às 2:12 pm

    Kamila não tenho nem como empolgar com esse longa se eu disser que nunca conferi um filme de Star Wars. Quem sabe um dia!! hehehe

    Responder
  • 6. Otavio Almeida  |  agosto 23, 2008 às 4:26 pm

    STAR WARS está no meu sangue! Mas andei um tanto descontente com os Episódios I, II e III, pois Lucas transformou aquele universo num parque de diversões pessoal com mais efeitos de computador do que história.

    Agora, parece que virou o que ele queria: uma animação. Saem os atores, entram os pixels. Os atores eram as últimas peças humanas que atrapalhavam o sonho pessoal de Lucas.

    Mas como você tirou alguma coisa de bom de CLONE WARS, acho que deixarei a bronca de lado e irei ao cinema.

    Bjs, Kamila!

    Responder
  • 7. Marcio  |  agosto 23, 2008 às 4:30 pm

    Sou fã da saga mas achei a animação muito básica e sem motivação. Ainda fiko com a trilogia clássica, mas uma animação bem elaborada ,ao estilo Beowulf ,seria magnífico pra espandir esse universo q naum pode ser eskecido. A avaliação q tu fez disse tudo Kamila.

    Responder
  • 8. Kau  |  agosto 23, 2008 às 4:36 pm

    Fiquei com um pé atrás e preferi conferir O Procurado, ontem. Confesso que o trailer deste Star Wars – The Clone Wars me deixou meio triste. Pelo o que percebi, o visual não é tão caprichado, mas só poderei dizer isso depois que assistí-lo. Bjos!

    Responder
  • 9. Kamila  |  agosto 23, 2008 às 6:14 pm

    Rodrigo, acredito que os fãs de “Star Wars” vão gostar bastante deste filme. Então, acredito que você tem meio caminho andado já para apreciar esta animação. Beijos!

    Vinícius, eu fui assistir ao filme mais pela curiosidade mesmo de ver algo novo de “Star Wars”. A animação não chega a decepcionar, mas poderia ter resultado em algo melhor, especialmente no que diz respeito à técnica.

    Robson, então assista todos os filmes da série e, depois, confira este “The Clone Wars”. 🙂

    Otavio, como eu disse ao Rodrigo, acho que os fãs de “Star Wars” vão apreciar este filme. Espero que goste! Beijos!

    Marcio, exatamente! Fica a impressão de que o filme poderia ser melhor.

    Kau, a sua impressão é corretíssima! Beijos!

    Responder
  • 10. Red Dust  |  agosto 23, 2008 às 8:36 pm

    Sou fã de Star Wars, mas parece-me que passarei ao lado desta animação.

    Estreia dia 28 em Portugal.

    Beijinho.

    Responder
  • 11. Arthur  |  agosto 23, 2008 às 9:19 pm

    Nunca consegui acompanhar como se deve Star Wars, ou seja, não sou grande fã.

    Devo admitir que achei meio equivocado levar Clone Wars para os cinemas, mas se fosse fã com certeza iria assistir.

    Abraços

    Bom Fim de Semana

    Responder
  • 12. Rafael Moreira  |  agosto 23, 2008 às 9:51 pm

    Assisti e não gsotei! Achei Fraquinho com um simples objetivo de arrancar dinheiro do bolso dos fãs!

    Nota: 5,0

    Abraço!

    Responder
  • 13. Vulgo Dudu  |  agosto 24, 2008 às 12:20 am

    Eu acho que eles não deveriam nem ter filmado os episódios I, II e III. Perdeu aquela magia, porque os três mais recentes destoavam, obviamente, dos tres anteriores. Mas, enfim… eles só pensam em oportnidades mesmo… Diz aí se essa animação não é oportunista?

    Bjs!

    Responder
  • 14. louisvidovix  |  agosto 24, 2008 às 5:37 am

    Ka, quando eu vi o trailer desse Star Wars só pensei que o George Lucas topa tudo por dinheiro rs… Não tenho interesse em ver pq mesmo dos filmes oficiais da série, não gosto.

    Responder
  • 15. Romeika  |  agosto 24, 2008 às 6:30 am

    Kamila, nao me surpreende que ele tenha deixado passar esse “detalhe” numa animacao, afinal, as atuacoes de muitos atores nos episodios I,II e III foram quase uma coisa estilo Keanu Reeves.

    re: Aquele video eh hilario, eu tb morri de rir. “calma, Fabiana, vamos achar sua vara”. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Responder
  • 16. Kamila  |  agosto 24, 2008 às 12:46 pm

    Red Dust, tudo bem! Beijos!

    Arthur, a idéia da animação era até interessante. O problema foi a sua execução! Abraço!

    Rafael, com certeza a animação quer se aproveitar da força do nome “Star Wars” junto aos fãs. Abraço!

    Dudu, totalmente oportunista! Beijos!

    Louis, não vamos colocar a culpa somente no George Lucas. A Fox também quer ganhar um bom dinheirinho em cima da série e da forte marca “Star Wars”.

    Romeika, exatamente!!!! O George não é o melhor diretor de atores… O vídeo é hilário mesmo, seria até trágico se não mostrasse a mais pura verdade….

    Responder
  • 17. Rodrigo Fernandes  |  agosto 24, 2008 às 2:25 pm

    Ai.. perdão, não tinha visto a indicação do Meme…. bem, como andei mais pra lá do que pra cá..rs… realmente ficaria dificil.. mas obrigado pela indicação…

    Beijos

    Responder
  • 18. Kamila  |  agosto 24, 2008 às 5:23 pm

    Rodrigo, sem problemas!! Fico feliz de que tenha respondido! Beijos!

    Responder
  • 19. Marfil  |  agosto 24, 2008 às 10:45 pm

    Passei longe…

    Responder
  • 20. Wally  |  agosto 24, 2008 às 11:12 pm

    Eu adoro “Star Wats”, até o Episódio II fraquinho achei divertido. Mas tô com o pé atrás com esse. Verei apenas em DVD.

    Ciao!

    Responder
  • 21. Pedro Henrique  |  agosto 25, 2008 às 12:56 am

    Tu tem que me garantir que eu não vou ficar perdido na história, pois eu só vi o “Sith” e “Clones”…rsrsrsr. Falando sério, quero ver mas tenho medo de ficar perdidão…

    Abraço!!!

    Responder
  • 22. Kamila  |  agosto 25, 2008 às 12:15 pm

    Marfil, até entendo porque muita gente quer passar longe deste filme…

    Wally, acho que é o mais certo. O filme foi feito para o formato TV.

    Pedro, você não vai ficar perdido na história do filme. No início da animação, eles fazem uma certa contextualização e nos colocam dentro da história. Abraço!

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


A autora

Kamila tem 29 anos, é cinéfila, leitora voraz, escuta muita música e é vidrada em seriados de TV, além de shows de premiações.

Contato

cinefilapn@gmail.com

Último Filme Visto

Lendo

Arquivos

Blog Stats

  • 453,286 hits

Feeds


%d blogueiros gostam disto: